VOCÊ NÃO PRECISA SER UMA CELEBRIDADE PARA GANHAR MILHÕES!

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no pinterest

Bem, é um artigo que nós achamos muuuito interessante, então, vamos fazer um resumão para você! Se liga:
Não se preocupe com grandes números, se preocupe com os números certos!
Você não precisa de milhões de seguidores para ser bem sucedido!
Você apenas precisa de 1.000 Fãs Verdadeiros, entenda porque:
Há mais de uma década atrás, o editor da Wired, Kevin Kelly, escreveu um artigo chamado “1.000 fãs verdadeiros”, prevendo que a Internet permitiria que as pessoas vivessem de suas criações, seja um artista, músico, autor ou empresário.

Ao invés de se espelhar em grandes celebridades, ele argumentou que, os criadores de conteúdo apenas precisavam envolver uma base modesta de “verdadeiros fãs”, aqueles que “compram qualquer coisa que você produz”. Com 1.000 fãs que investem R$ 100 por ano, cada um, você conseguirá uma renda anual de R$ 100.000! Muito incrível, né? Ao adotar as redes da internet, Kevin Kelly, creditava que os criadores poderiam ignorar os meios tradicionais e serem pagos diretamente por uma base menor de fãs e viver confortavelmente com os ganhos.
A matemática é bem simples! Isso é apenas a base do artigo, mas, o mesmo se aplica se forem 500 fãs e R$ 200,00, etc… E se for 2x por ano, ou 5… ou mensal?! Entendeu?
 

Esse paradigma não se destina a ser uma receita exata. Mas sim, a fornecer uma estrutura para o futuro da economia da paixão: os criadores podem segmentar seus públicos e oferecer produtos e serviços personalizados a preços variados. Eis como funciona:um criador de conteúdo pode cultivar um público grande e gratuito em plataformas digitais. Ele ou ela pode converter alguns desses usuários em assinantes. O criador pode, então, alavancar alguns desses compradores para compras de maior valor, como conteúdo extra, acesso exclusivo ou interação direta.

 
Simplificando, se você pode convencer um pequeno número de pessoas super engajadas a pagar mais, também pode ter uma audiência geral que paga menos. Ao segmentar a base de clientes e oferecer maior valor aos principais fãs – por um preço mais alto – os criadores podem ganhar a vida com um público total menor.
 
Qualidade é a chave para o coração de um verdadeiro fã.
Desde que você tenha um produto ou serviço de qualidade, poderá criar uma rede de fãs que contarão sua história.
 

Um bom exemplo para ilustrar esse estudo são os atuais streamers, vocês conhecem uma plataforma chamada twitch?

A twitch é um site com o principal foco em transmissão de video games, no entanto, atualmente abrange vários nichos, como competições de e-sports, podcasts, programas de varidos assuntos, dentre outros. O conteúdo pode ser transmitido ao vivo ou on-demand.

Literalmente qualquer um pode criar uma conta, configurar e entrar online, simples assim. E se tornou tão popular que atualmente, em média por dia, são mais de 2 milhões de espectadores simultâneos, com pico de 6 milhões, mais de 95mil canais fazendo transmissões, com mais de 2 bilhões de horas assistidas!
 
E os criadores de conteúdo, vivem disso, até mesmo os menores! Só de conquistar o coração de apenas algumas centenas de espectadores e criar relacionamentos significativos com essas pessoas que irão adorar o seu conteúdo, conseguem uma renda suficiente para uma ótima qualidade de vida, e fazendo o que gostam.
 
A plataforma oferece diversas formas dos espectadores incentivarem financeiramente o streamer, por meio de propagandas, merchandising, doações, inscrições, etc.
 
Um streamer pequeno capaz de alcançar 1.000 assinantes mensais, por meio da inscrição mais acessível, no valor de R$ 22,99, arregata a bagatela de R$ 22.990 por mês! Isso para “apenas” ficar na frente de um PC jogando. E nem estamos contando aqui com as outras formas de receita…

E o mais impressionante é que você pode criar essa lista de compradores altamente engajados muito rapidamente, se implementar as “maneiras corretas” de se envolver com a internet.

 

Então, não é nenhuma fórmula mágica ou apenas “teoria” é um conceito muito concreto e real! Em uma próxima publicação, vamos falar dos métodos de COMO OBTER OS SEUS PRIMEIROS 1.000 VERDADEIROS FÃS.

 
Já se inscreveu no nosso blog? Ainda não? Insceva-se e receba nossos conteúdos em primeira mão.
 
O que achou desta postagem? Deixe seu comentário, seu feedback é muito importante para nós.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.